sexta-feira, 25 de abril de 2014

Pavão Mysteriozo - EDNARDO



    Baixei em MP3 via “torrente” é claro, o Long Play (LP) de Ednardo intitulado “O romance do Pavão mysterioso”.
    O LP já identifica que Ednardo pertence ao grupo denominado “Pessoal do Ceará”. Além dessa particularidade o LP carrega o mesmo nome de um conto de cordel de João Melchíades Ferreira da Silva porém a palavra misterioso vem grafada com um “Y” em vez de “i” na primeira sílaba.
    Gramatiquices a parte, o LP traz o nome de um conto onde há praticamente quatro personagens. Dois irmão, uma bela  moça e um conde.
    Resumidamente, o conto trata da epopeia de um rapaz que se apaixonou por uma foto presenteada por seu irmão quando este fora viajar para conhecer o mundo e não ser como um inseto em volta da lâmpada.
    Quando o irmão do herói do conto lhe entrega a foto ele sai ao encontro de sua futura esposa e a fúria de seu pai, um conde malvado.
    Para ter êxito em sua empreitada o rapaz recebe ajuda de um inventor talentoso que lhe constrói uma espécie de helicóptero denominado “Pavão misterioso”.
    Na música de Ednardo, além da referência ao conto, é possível fazer inferências de crítica ao regime militar vigente na época e com o recrudescimento da violência com o Ato institucional número cinco (AI-5).
    Por incrível que pareça, a música agradou os setores apoiadores da ditadura militar brasileira e foi tema de abertura da novela “Saramandaia” exibida na rede Globo. Novela que tem como fio condutor um roteiro baseado na literatura fantástica.
    Alexandre Ayub em seu livro “A militarização das artes”, cita “Pavão Mysterioso” como um dos baluartes contra a truculência verde-oliva.

     A música é considerada sagrada pelos índios do xingu em rituais religiosos.
     Além de toda essa carga semântica,  “Pavão Mysterioso” de Ednardo é escrito com “Y” na primeira sílaba. .Será que poderíamos interpretar como um anagrama para “Myster Zóio” como o desenho da capa denuncia? Quem sempre espionou o Brasil e apoiou a operação “Condor”? Prefiro o Pavão.


PAVÃO MYSTERIOSO
Música: Ednardo
Letra: Ednardo
Lp: O romance do pavão mysterioso
Ano:1974



Pavão misterioso
Pássaro formoso
Tudo é mistério
Nesse teu voar
Ai se eu corresse assim
Tantos céus assim
Muita história
Eu tinha prá contar...

Pavão misterioso
Nessa cauda
Aberta em leque
Me guarda moleque
De eterno brincar
Me poupa do vexame
De morrer tão moço
Muita coisa ainda
Quero olhar...

Pavão misterioso
Pássaro formoso
Tudo é mistério
Nesse seu voar
Ai se eu corresse assim
Tantos céus assim
Muita história
Eu tinha prá contar...

Pavão misterioso
Pássaro formoso
No escuro dessa noite
Me ajuda, cantar
Derrama essas faíscas
Despeja esse trovão
Desmancha isso tudo, oh!
Que não é certo não...

Pavão misterioso
Pássaro formoso
Um conde raivoso
Não tarda a chegar
Não temas minha donzela
Nossa sorte nessa guerra
Eles são muitos

Mas não podem voar..

3 comentários: